fbpx

Blog

Fique por dentro das novidades

Será que o GPS morreu?

Viagens - Moto / Mecânica - 17/03/2021
Será que o GPS morreu?

Hoje, além das várias opções com base em tecnologias de GPS, existem excelentes opções de Aplicativos com capacidade de operação off-line como o Google Maps (sim!). Esses dois mundos são complementares ou é o fim dos aparelhos GPS?

NAVEGAÇÃO VIA GPS

Aqui entre nós, só tem um fabricante de aparelhos GPS com diversas opções de cartografia de mercado, adequados para uso em uma expedição de verdade. É a Garmin (*), claro, mas a escolha do modelo é uma questão de bolso e gosto pessoal.

Uma opção óbvia de aparelho é a linha ZUMO, projetados para uso por motociclistas.

Para uso mais duro, tem a linha MONTANA. A tela é menor, mas pode ser usado tanto na moto como na mão (por exemplo em uma trilha a pé mato adentro), a bateria dura o dia todo e é intercambiável. Esses aparelhos são bem mais robustos, mas os preços são bem maiores.

MAPAS GPS

Além do aparelho, é fundamental que você tenha mapas GPS de qualidade para uma boa navegação. Eu não tenho nenhuma dúvida de recomendar: não gaste 1 centavo em mapas!

Há uma organização colaborativa chamada “OSM – Open Street Maps” (http://garmin.openstreetmap.nl) que disponibiliza os melhores mapas de qualquer lugar do planeta. Basta escolher o país ou região que você deseja e baixar o respectivo mapa. Esses mapas costumam ser atualizados a cada semana e têm um nível de detalhe muito melhor que os mapas comerciais. Os mapas OSM cobrem o mundo todo. Até o Google Maps usa os mapas OSM como base. Além de tudo são de uso gratuito. Não há o que pensar!

Se você pretende planejar detalhadamente suas rotas em seu computador, é bom baixar o programa Base Camp (gratuito). Dá para viver sem ele e montar as rotas, pontos de interesse e destino diretamente no aparelho GPS, mas no ambiente de seu computador é muito mais fácil. Vale a pena!

APLICATIVOS COM CAPACIDADE OFF-LINE

Praticamente todos nós utilizamos Aplicativos como Google Maps e/ou Maps.Me, mas pouca gente sabe que é possível baixar rotas e mapas para uso em modo off-line e assim usar na estrada, mesmo sem qualquer conexão.

Esses Aplicativos são ótimos, mas não dá para contar com o uso de aparelhos celulares em ambientes de viagem (chuva, areia, quedas…) como com os aparelhos GPS, bem mais robustos. E então? A resposta segue abaixo…

O FUTURO CHEGOU

Android Auto ou Apple Car direto no painel da moto! Antes um recurso exclusivo das Honda GoldWing agora também presente nas novas CRF1100l AfricaTwin, que em breve estarão rodando no nosso país. Nesses dois modelos você acessa ao Google Maps, mas também a todos os APP compatíveis com Android Auto ou Apple Car.

No caso da nova CRF1100l AfricaTwin o painel é um TFT de 6,5″ que casa perfeitamente com esse novo mundo.

Você pode então navegar com uso do Google Maps direto no painel, sem necessidade de suportes, alimentação, etc… É a tendência e provavelmente a melhor solução atualmente.

Mas…

  • Preciso ter conexão de rede?” NÃO!
  • Posso baixar rotas e pontos de interesse para uso off-line na estrada?” SIM!
  • E aí, você acha que o GPS, como conhecíamos, morreu?

Como dica final, eu diria que navegar é uma questão de experiência e cada um tem suas “manhas” e preferências. Se você ainda não se sente muito seguro, invista algumas horas treinando antes de sair para uma grande viagem. Não é difícil e depois de algumas horas você vai ter domínio suficiente para rodar em toda segurança. Bora lá rodar!

(*) Obs.: – Eu não tenho, e nunca tive, nenhuma relação com a Garmin

[Texto Originalmente Publicado na Revista MotoAdventure]

Marcelo Leite
Marcelo Leite

Posts relacionados



                Inscreva-se        	Inscreva-se para receber nossa newsletter